Um ovo de casa

Viver dentro de apenas 1, 2, 3 ou 4 metros quadrados é possível. Além da economia de tamanho, elas proporcionam menos gastos; aluguéis caros, por exemplo, entrarão em extinção para quem optar por viver nesses cubículos.

Há, sim, uma vantagem em morar em um espaço com 4m2: menos espaço para limpar. Confira alguns projetos: 

EUA = 1 m²

O americano Derek Diedricksen não limitou sua criatividade ao idealizar essa mini casa de madeira. Apesar de pequenina, a Box Lady, como foi batizada, parece bem confortável. É um sonho para quem não gosta de dividir o apê ou que gosta de ficar sozinho. A casa é toda construída com materiais reciclados.

 

Alemanha = 1 m²

Essa casa não é propriamente para se morar, falta, pelo menos, um lavabo pra ficar completo. Mas ela é uma boa opção para o cantinho da leitura ou um cochilo no meio da tarde, posicionando-a no quintal ou jardim. Só que o tempo de estada nessa mini casa provavelmente não será extenso; sem janelas, é inevitável não ter um ataque claustrofóbico.

 

China = 2 m²

Pode-se dizer que o chinês Dai Haifei mora num “ovo” de casa. O jovem optou por fugir do aluguel construindo sua própria casa na rua e, além de um design moderno o formato dela é semelhante a um ovo. A construção é toda sustentável: para o interior ele utilizou troncos de bambu e no lado de fora forrou com sacos e sementes, que quando florescerem ajudarão a proteger do frio.

 

China = 3 m²

Essa ideia faz lembrar o conceito dos trailers, só que muito mais sustentável. Garantir a mobilidade em sua própria casa é o sonho de qualquer pessoa que goste de ter uma vida nômade. Em apenas 3m², esses chineses construíram uma casa-bike que, incrivelmente, tem tudo: cama, mesa, cozinha, lavabo e banheiro. Isso foi possível por conta do material utilizado, polipropileno, que permite ser desdobrado como uma sanfona e por ser transparente, aproveita a iluminação da rua.

 

Varsóvia = 1,2 m de largura 

O que mais se vê nas grandes metrópoles são prédios e mais prédios, e cada vez mais altos. Tudo isso para comportar cada vez mais pessoas. A ideia desse polonês foi aproveitar o espaço entre um desses enormes edifícios para construir a casa mais estreita do mundo, com 1,2 metros de largura. Apesar da sensação de claustrofobia que possa dar, a invenção é genial e a composição da casa é completa!

 

 EUA = 4 m²

Este exemplo é só um projeto. Ainda. Desenhada por alunos da Univesidade de Ucla, na Califórnia, essa mini casa futurista tem a aparência de uma cápsula que saiu do filme do Batman. Ela foi criada para funcionar como refúgio tecnológico para jovens nômades. Dentro dela há espaço para banheiro, cozinha, escrivaninha, uma cama, além de um telão 3D.

 

Créditos: Blog da Arquitetura   Link: http://goo.gl/cB6ClI



Cadastre seu e-mail para receber as novidades do portal!

Confira também: